Search
Close this search box.
Search
Close this search box.
maximus tecidos_00020

Curva francesa e modelagem

Existem várias ferramentas que são essenciais na modelagem, para que você tenha o melhor resultado final em sua produção, uma delas é régua de curva francesa, que facilita a modelagem e traz resultados incríveis.

Muitas pessoas que trabalham com costura, porém, ainda não sabem utiliza-la, ou nem mesmo identifica-la. E graças ao avanço da tecnologia, agora você vai descobrir online tudo sobre a curva francesa e suas aplicações.

Então, anote essas dicas no seu caderno de estudos, e descubra de uma vez por todas como utilizar a régua de curva francesa corretamente, e criar peças perfeitas com o auxilio dessa ferramenta indispensável para os profissionais da moda.

Curva Francesa E Modelagem

O que é a régua de curva francesa?

Dentro da modelagem, ela é uma das mais importantes, mas mesmo assim, ainda é desconhecida entre muitos, que perdem a oportunidade de não só facilitar o processo de modelagem, mas também de agregar qualidade a suas peças.

A régua de curva francesa é uma ferramenta de modelagem, que permite curvaturas perfeitas, principalmente para canvas e decotes. Hoje, são vários os modelos dessa ferramenta disponível, mas o que caracteriza a curva francesa, é a curvatura característica na ponta.

Além disso, essa régua também tem um lado côncavo e um lado convexo, o que facilita e permite uma gama de opções e técnicas na hora de modelar a sua peça.

Como utilizar a régua de curva francesa?

São várias as possibilidades de utilização da régua de curva francesa, e cada costureiro ou estilista tem suas próprias preferências em relação a ela. Porém, algumas utilizações são muito populares, e as mais utilizadas por todos. Então, vamos te mostrar quais são e como utilizar corretamente:

  • Decote frontal

Uma das utilizações mais populares dessa ferramenta, é no momento de traçar o decote frontal de sua peça. Para isso, é preciso posicionar a ponta mais curvada ao ponto de referência para o traçado. A parte que é menos curvada fica apontando para cima, e o lado côncavo fica centralizado na frente.

  • Decote traseiro

Para fazer o decote traseiro utilizando a curva francesa, você vai posicionar a ponta de maior curvatura nos pontos de referência do seu traçado, um pouco mais inclinado do que para o decote frontal. A parte que é menos curvada continuará para cima, e o lado que é mais côncavo centralizado nas costas.

  • Cava frontal

A cava frontal também pode ser desenhada com essa ferramenta, para isso, posicione a curva nos pontos de referência da cava. A parte que é menos curvada para cima, e o lado convexo apontando para o centro da frente.

  • Cava traseira

Para modelar a cava traseira, você vai encaixar os 3 pontos de cima com a parte que é menos curvada da régua apontando para cima, o lado convexo fica no centro das costas. Depois, é só girar a parte menos curva em um sentido anti-horário, até que ela se encaixe nos 2 pontos de baixo.

  • Lateral de vestido

Modelar a lateral de um vestido vai ficar muito mais fácil. Primeiramente, a parte menos curvada vai ser apoiada no ponto da largura do busto, e o meio da curva apoiada na cintura, em direção ao quadril. Gire a régua até que a parte que é menos curvada encaixe no quadril, e trace uma linha que se encaixe perfeitamente na anterior.

Suas modelagens perfeitas!

Utilizando nossas técnicas de curva francesa, suas modelagens vão ficar perfeitas! Essas dicas vão ajudar a elevar a qualidade de suas peças. Experimente e nos conte o que achou!

Conheça as réguas de modelagem disponíveis no site da Maximus Tecidos: Clique Aqui!

Assuntos Relacionados

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *