fbpx

Em Alta: Aprenda como usar a terceira peça no look


0

Ei, se você ainda não sabe, agora você vai aprender o truque de moda mais simples e curinga que existe e que vai te deixar muito mais estilosa em segundos: Aprenda como usar a terceira peça no look!

Você pode assistir o episódio ou se preferir, continuar lendo o conteúdo do post.

 

Oi, tudo bem com você?

Me diz aí, quem não gosta de estar e se sentir bem vestida, né?

Estar estilosa, mas sem precisar fazer esforço e quebrar a cabeça com combinações mirabolantes e ainda sem precisar gastar horrores para ter infinitas peças de roupas diferentes, é tão perfeito que parece um sonho, né?

Mas não é. Esse é poder da terceira peça.

É aquele truque de moda simples, mas que como em um passe de mágica, transforma o visual na hora e o resultado fica muito mais estiloso e interessante.

Antes de continuar, já curte e compartilha esse episódio nas suas redes sociais pra você não esquecer depois, hein.

Para começar, vamos esclarecer que a terceira peça não é uma roupa específica, mas é a terceira peça de roupa que você vai acrescentar ao seu look.

Foto: Reprodução Pinterest

Por exemplo, eu vesti a calça e a blusa, então são duas peças, e depois eu coloquei mais uma para sobrepor.

Essa brincadeira de sobreposição é certeira. Agrega informação de moda para todos os estilos de look.

Inclusive podemos dizer que a terceira peça é a salvação do look básico ou daquele dia que a gente está sem criatividade para se vestir.

Você pode estar de camiseta e calça jeans… acrescentou uma terça peça, pronto. O look já fica com uma outra cara.

Tá Ana, mas que tipo de terceira peça eu posso usar?

Eu diria que qualquer uma, mas para facilitar a sua vida, eu vou compartilhar 3 peças curingas e infalíveis que você sempre pode usar para sobrepor o look.

São roupas versáteis e que você pode arrematar desde looks para trabalhar até uma produção mais chic.

Aliás, quando se fala em sobreposição com terceira peça, a tendência é sempre usar uma dessas peças que eu vou mostrar. É por isso que elas estão sempre em alta e nunca saem de moda.

Ficou curiosa? Então vamos lá.

1 – Blazer

A primeira peça é o blazer, porque não tem como falar de terceira peça, sem mencionar ele.

O blazer é uma peça muito curinga!

O que inicialmente era uma peça masculina, mais séria e formal, hoje já conquistou os looks femininos e vai do terninho clássico ao visual descolado, sem perder o charme. Ele se adapta facilmente aos diferentes estilos e ocasiões.

Para provar o poder de um blazer no look aqui vão algumas dicas:

Você pode usar ele para sobrepor e completar o look alfaiataria completo e assim garantir um ar sofisticado e clássico.

Pode combinar com peças mais básicas, como jeans e camiseta para o look ficar mais casual chic.

E que tal combinar o blazer com peças com uma pegada mais esportiva? O visual fica super estiloso e descolado.

Além de usar essa terceira peça de forma tradicional, você pode mudar e usar com um cinto por cima ou colocar por cima dos ombros. Isso também já vai dar um charme extra para o visual.

Foto: Reprodução Pinterest

Um outro ponto positivo do blazer é que ele é uma terceira peça que podemos usar o ano todo porque é funcional.

Podemos usar até mesmo no verão, uma vez que é normal a gente frequentar lugares que tem ar condicionado. Ou até mesmo quando saímos no início da manhã ou à noite que geralmente são os períodos do dia em que a temperatura está mais amena.

Eu que sinto frio mais fácil, amo. Tenho sempre um blazer comigo para não passar frio e ainda assim garantir um look estiloso.

Vale dizer também que se você não gosta de usar blazer ou até mesmo para ir variando nas combinações, outros tipos de casacos também servem como terceira peça. Pode ser uma jaqueta jeans, uma camisa, um cardigan, por exemplo.

2 – Kimono

Uma outra opção de terceira peça muito usada para incrementar o visual, é o kimono.

Uma peça inspirada no traje tradicional da cultura oriental que conquistou o mundo.

Foto: Reprodução Pinterest

Como eu falei, não é a mesma peça que os japoneses usam e tem muitos significados, mas uma releitura que vem em tecidos mais leves com o principal objetivo de complementar o look.

Não tem como negar que acrescentar um kimono no look deixa a produção com outra cara, ele garante um toque fashion incrível.

Geralmente os kimonos são confeccionados em tecidos mais leves, para dar um movimento para o look.

Eles podem ser lisos, estampados, mais curtos, mais compridos, com texturas diferenciadas e detalhes como bordados, franjas e assimetrias.

É um mar de opções, inclusive na hora de usar. Porque pode ser usado tanto no dia a dia, por cima de vestidos, blusas e calças, ou blusas e shorts, e também na moda praia ou piscina, por cima de biquínis e maiôs.

Por ser uma peça mais fresquinha, o kimono é ótimo para ser usado no verão e na época de meia-estação. Mas também é uma dica de terceira peça para quem sente muito calor no inverno e não gosta de usar muitos casacos e para quem está na menopausa. Porque daí você pode usar uma peça mais fresquinha por baixo e o kimono ajuda a te proteger do vento gelado.

3 – Colete

E por fim, vamos falar do colete. Mais uma peça muito versátil, que pode ser usada para sobrepor looks de todos os estilos.

A única diferença dele para as peças anteriores, é que o colete não funciona muito como uma peça para proteger o corpo do vento ou do frio, como o blazer ou kimono. Se for um colete de tricô ou pele fake, até ajuda a esquentar um pouco, mas por não ter mangas, não funciona como um casaco, por exemplo, entende?

O colete é aquela terceira peça para enriquecer o look. Para agregar informação de moda.

Ele pode aparecer nos mais variados tecidos e texturas.

Foto: Reprodução Pinterest

Os principais são os coletes de alfaiataria, que como toda peça de alfaiataria é elegante e pode ser usada em diversas ocasiões. E inclusive, o colete de alfaiataria está mais em alta do que nunca na moda, fica a dica.

Tem também o colete jeans, que é mais básico e deixa o look descolado.

Além disso, o colete também pode entrar no mood esportivo com aqueles de nylon, pode dar uma pegada mais rocker se for de couro ou ainda ser mais quentinho de tricô ou pelo fake que, aliás, dão um toque glam incrível para os looks de inverno.

Na questão de comprimento, os coletes podem ser mais curtos ou mais longos, chamados também de maxi coletes.

E aqui vai a dica para costureiras.

Essa dica na verdade não é só para quem trabalha com moda sob medida e pode orientar suas clientes, mas também para quem vai mandar fazer uma roupa para usar como terceira peça ou vai comprar.

Se você se incomoda com o volume que tem na região do seu quadril ou da barriga e quer disfarçar, os coletes mais alongados são ótimos.

As linhas verticais que se formam na frente do corpo ajudam a “esticar” a silhueta.

Foto: Reprodução Pinterest

Bom depois desse episódio deu para entender o poder que uma terceira peça tem no look, né? Se você nunca usou, eu te desafio a experimentar.

É um truque de moda simples, mas infalível para tirar o look da mesmice e garantir um visual estiloso.

Me conta aqui nos comentários se você concorda comigo e vai apostar na terceira peça.

Se você tiver dúvidas de moda e sugestões de assuntos para os próximos episódios, também pode escrever aqui pra mim.

Ah, e lembra de me seguir no Instagram @anamocelin e o perfil da Maximus Tecidos.

Até o próximo Em Alta.

Fica a dica, beijo!


Like it? Share with your friends!

0

What's Your Reaction?

Não Gostei Não Gostei
0
Não Gostei
Confuso Confuso
0
Confuso
Engraçado Engraçado
0
Engraçado
Amei Amei
1
Amei
Incrível Incrível
0
Incrível
O Melhor O Melhor
0
O Melhor
Ana Paula Mocelin
Muito prazer, eu sou a Ana! Sou jornalista e blogueira apaixonada por letras, histórias, rendas e tendências. Na função de redatora, tenho a tarefa de traduzir em palavras a delicadeza, charme e elegância dos tecidos da maior loja de tecidos finos do Brasil!

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado.