Tafetá: o tecido da nobreza, da antiguidade até os dias atuais


12
389 compartilhadas, 12 points

Oi, gente! Eu sou a Camila Nishida e no vídeo de hoje eu vou falar sobre um tecido clássico e muito luxuoso: o TAFETÁ. Serão 5 tipos de tafetá: tafetá com elastano, tafetá dupla face, tafetá indiano, tafetá sevilha e tafetá madri. Eu vou mostrar pra vocês qual é o estilo de roupa ideal para usar cada um deles.

Mas se você preferir, dá para acompanhar esse post por este vídeo aqui: dá o play!

 

Antes da gente ir pra parte prática deste post, só um pouquinho de história, afinal é importantíssimo você entender a origem de cada um dos tipos de tecidos.

O tafetá é um dos tecidos mais antigos do mundo e surgiu na Pérsia, há pelo menos, mais de mil anos e como grande parte dos tecidos daquela época, ele era feito a partir da seda. A origem desse nome vem da palavra “Taftah” que significa “entrelaçar” ou “tecer”, ou seja, é um nome ligado a forma de fabricação desse tecido. Nas Antiguidades, o tafetá era um dos principais tecidos que vestia a realeza, mais especificamente, usado naqueles vestidos pomposos e imponentes, já que uma das principais características desse tecido é o volume. 

Foto: Pinterest

Em tempos mais recentes, o tafetá se disseminou em outras composições e variações, mas até hoje mantém o posto de tecido nobre. Afinal, ele está sempre presente no tapete vermelho das principais premiações do mundo artístico, além de ter feito história em figurinos do cinema, como o vestido vermelho usado por Kelly LeBrock no filme a Dama de Vermelho, de 1984 e o vestido de tafetá branco, usado por Leslie Caron, no filme Gigi, de 1958.

Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Lady Gaga no tapete vermelho / Foto: Pinterest
Kelly LeBrock no filme a Dama de Vermelho / Foto: Pinterest
Leslie Caron no filme Gigi / Foto: Pinterest
1. TAFETÁ COM ELASTANO

As principais características do tafetá com elastano são: o volume que ele dá para as peças, esse leve brilho e o fato dele ceder bastante.

O tafetá de modo geral, é um tecido muito usado na moda festa. E o tafetá com elastano é ideal para peças que são mais justas e coladinhas, como vestido sereia e vestido tubinho.

O fato dele ceder bastante traz muito conforto e mobilidade nesses casos. Porém, nada impede dele ser usado em vestido rodado, no corte godê, evasê, com pregas.. Vai ficar lindo também e esse leve brilho que ele tem vai dar todo um charme.

Além disso, o tafetá com elastano vai muito bem na moda casual, em blazers, saia lápis ou em blusas com um corte mais diferenciado. 

Esse tecido por si só já é bem estruturado. Agora, independente da roupa, gente, como ele tem bastante elastano, lembre-se sempre de usar um forro que tenha essa característica em comum. Uma ótima opção é o cetim com elastano.

Pra gente fechar com chave de ouro o tafetá com elastano, vai aqui uma dica poderosa da estilista e modelista, Inês Maximus: nesse tecido, para dar volume tanto em pregas, quanto em franzidos, o corte não pode ser feito no fio atravessado. Ele tem que ser feito no sentido oposto da ourela.

Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Tecido tafetá com elastano da Maximus Tecidos

Clique aqui e confira todas as opções de tafetá com elastano no site da Maximus Tecidos!

2. TAFETÁ INDIANO

Esse é o tipo de tafetá usado especialmente na moda festa e também é conhecido por “tafetá palha de seda”. Ele recebe esse nome porque de fato é um tecido que caracteriza muito o estilo de roupa usado na Índia e em países do Oriente Médio.

As principais características desse tecido é que ele tem a espessura bem fina, e isso traz bastante leveza que ele tem e ao mesmo tempo que é super leve, ele dá volume e tem esse aspecto amassadinho. Ele é mais opaco, não tem um brilho reluzente e ele não tem nada de elastano, ou seja, não cede nem um pouco. Além disso, ele tem um caimento mais estático e faz esse barulhinho quando é friccionado.

Nos vestidos de festa o tafetá indiano vem pra dar bastante volume na saia e nas mangas bufantes. Esse é um dos tecidos mais usados nos vestidos de gala pelos estilistas que assinam as marcas de luxo. Em algumas temporadas ele aparece mais, outras menos. Mas sem dúvida, é dos tecidos clássicos do mundo da moda.

O forro ideal pro tafetá indiano deve ser um tecido que assim como ele, não tem elastano e acompanhe o caimento armado e mais estático. O tafetá Sevilha e o taferá madri são ótimo para essa finalidade e já já você vai entender o motivo.

Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Tecido tafetá indiano da Maximus Tecidos

Clique aqui e confira todas as opções de tafetá indiano no site da Maximus Tecidos!

3. TAFETÁ DUPLA FACE

O tafetá dupla face recebe esse nome justamente por poder ser tranquilamente utilizado dos dois lados, sendo que um lado é opaco e o outro tem um leve brilho. Essa é uma variação do tafetá muito macia, com um toque liso e sedoso, ele também não tem elastano. 

Quando o tafetá dupla face é de acetato, ou tem mais acetato na composição ele também traz volume para as peças, mas é um volume mais sutil, eu diria até um volume mais delicado, devido às características do toque e do caimento leve. Esse é um tipo de tafetá, que normalmente tem o valor mais agregado, isso por causa das características de toque e textura, que lembram muito o tafetá de seda pura. É um tecido que você bate o olho e percebe que é extremamente fino, no sentido de elegante. 

Já quando o tafetá dupla face é de poliéster puro, ele não tem o toque tão sedoso e macio quanto o de acetato. Ele traz um volume muito maior e é perfeito para vestidos sereia com calda porque deixa o vestido super imponente. 

Nos vestidos o tafetá dupla face traz muita elegância nas saias rodadas em corte godê, evasê, nas saias com pregas…

Inclusive, aqui a gente aproveita pra desmistificar um ponto: muitas pessoas acham que o tecido, por não ter elastano, não pode ser usado para fazer um vestido mais justo, como um modelo sereia, por exemplo, mas não é verdade. É claro que o fato do tecido não ceder traz menos liberdade de movimento numa roupa mais justa, porém, o que vai definir o conforto é o corte e a modelagem do tecido. Tecidos como esse tafetá, mesmo sem elastano, ficam maravilhosos para vestidos sereia porque dá estrutura no corpo e na saia, deixa o vestido imponente.

Existe uma característica que podemos encontrar em todos os tafetás que falamos até aqui, principalmente no dupla face e no indiano, que é que chamamos de “changeant” – esse nome se aplica a todo tecido que altera a cor quando é visto de diferentes ângulos. Isso acontece sempre que o tecido tem fios de duas ou mais cores na trama. 

Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Tecido tafetá dupla face da Maximus Tecidos

Clique aqui e confira todas as opções de tafetá dupla face no site da Maximus Tecidos!

4. TAFETÁ MADRI

Esse tafetá é indicado exclusivamente para forro. É um tecido bem “sequinho” e leve e como forro ajuda dar estrutura para as peças. Ele pode ser usado como forro de diversas peças que requerem estrutura, desde vestidos de festa dos mais diversos cortes, até peças como blazer de alfaiataria e casacos de lã batida. Esse é aquele forro mais geladinho, quando encosta na pele sabe? Porém para peças de frio isso não interfere, afinal ele retém calor.

Foto: Pinterest
Tecido tafetá madri da Maximus Tecidos

Clique aqui e confira todas as opções de tafetá madri no site da Maximus Tecidos!

5. TAFETÁ SEVILHA

O tafetá sevilha ou como alguns chamam, tafetá verão, também é um forro cuja finalidade é dar estrutura. A diferença dele e do madri, é que o sevilha é bem mais estruturado, ou seja, a gramatura dele é mais alta, ele tem a espessura mais grossinha e isso unido ao caimento mais estático, casa perfeitamente para finalizar aquele caimento armado que você quer para a saia.

O tafetá sevilha é o tipo ideal de forro para vestidos com bastante volume. Ele pode ser usado como forro dos tafetás indiano e o dupla face, e ainda para outros tecidos estruturados com o zibeline e alguns tipos de jacquard. Ou seja, de tecidos que proporcionam peças com saias armadas e volumosas. 

Esse é um forro com o valor normalmente mais agregado, porque é um forro muito nobre. Eu já fiz um post sobre forros, se você não leu ainda, clique aqui.

Eu sempre digo que o forro faz parte da roupa, ele não é algo a parte. Por isso, sempre que você se planeja pra fazer um investimento num tecido de qualidade, o forro precisa acompanhar esse atributo. Afinal, não faz sentido você fazer um vestido de um tecido tão maravilhoso como o tafetá e usar um forro que pode atrapalhar de alguma forma a estrutura e elegância desta peça.

Foto: Pinterest
Foto: Pinterest
Tecido tafetá sevilha da Maximus Tecidos

Clique aqui e confira todas as opções de tafetá sevilha no site da Maximus Tecidos!

RESUMO DO POST

Então, pra gente fechar esse post, nós falamos sobre 5 tipos de tafetá: 

– O tafetá com elastano, que dá estrutura e cede bastante, ideal para vestidos e demais peças que são mais justas e que você quer que tenha essa mobilidade maior;

– O tafetá indiano, que tem o aspecto amassadinho, não tem elastano e é indicado para vestidos e saias com bastante volume;

– O tafetá dupla face, que tem um lado brilhoso e outro fosco, que é super macio e é indicado para peças que você quer um volume mais sutil, mais delicado;

– E os dois tafetás de forro: o madri, que é indicado tanto para moda festa, quanto roupas mais casuais e o tafetá sevilha, que é um forro bem estruturado, ideal especialmente para moda festa, para vestido com bastante volume.

E assim a gente finaliza a aula de hoje! Eu espero que vocês tenham gostado das dicas, eu pessoalmente sou apaixonada por tafetá. ❤

Se você gostou dessa aula sobre cetim, se essa aula te ajudou de alguma forma, por favor, comenta aqui abaixo, curte e compartilha, e se inscreve no nosso canal no YouTube aqui!

Além disso, dá uma olhadinha nos meus outros posts sobre tecidos, clique aqui!

Ah, e segue a gente no Instagram! O meu é @caminishida e o da Maximus é @maximustecidos.

Pode ir la e me deixar várias sugestões do que vocês gostariam de ver aqui! Lá a gente posta conteúdo todos os dias, mostramos os bastidores e tudo que rola no dia-a-dia da Maximus Tecidos.

Um beijo e até a próxima!


Gostou? Compartilhe com seus amigos!

12
389 compartilhadas, 12 points

O que você achou desse post?

Não Gostei Não Gostei
0
Não Gostei
Confuso Confuso
0
Confuso
Engraçado Engraçado
0
Engraçado
Amei Amei
30
Amei
Incrível Incrível
10
Incrível
O Melhor O Melhor
5
O Melhor
Camila Nishida

Oi gente! Aqui quem fala é a Camila Nishida, apaixonada por moda, estilos e tendências que mantém a nossa identidade. Sou apresentadora do Canal da Maximus Tecidos Finos no YouTube, onde busco trazer a essência de cada tecido de um jeito único para que você aprenda cada vez mais sobre o universo têxtil. Psicóloga de formação, tive meu coraçãozinho arrebatado pelo Junior e pelo mundo da moda!

Um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escolha um formato
Postagem
Compartilhe imagens com textos do seu trabalho.
Vídeo
Compartilhe o vídeo do seu trabalho.
Imagem
Compartilhe o recebimento do seu tecido ou suas criações.